voltar
hospital regional de registro

SP vai realizar teleconsultas em urgências e emergências com programa Multissaúde

11 de agosto de 2021

Serviço 100% web contará com 14 especialidades em pronto-socorro e enfermarias em 14 hospitais estaduais


O Governador João Doria anunciou nesta quarta-feira (10) o início da oferta de teleconsultas especializadas para urgências, emergências e suporte clínico por meio do programa Multissaúde, criado pelo Governo do Estado de São Paulo nesta gestão para avançar na área de telemedicina e aumentar a eficiência no SUS.

“O atendimento 100% digital conta com apoio presencial de médicos especialistas 24 horas por dia, sete dias por semana. A plataforma tecnológica de telemedicina para fazer diagnósticos foi desenvolvida pelo Governo do Estado de São Paulo para emitir laudos e receitas médicas”, disse Doria.

O novo modelo de atendimento foi desenvolvido pela Secretaria de Estado da Saúde em parceria com a Prodesp (Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo), com investimento de R$ 25,2 milhões.

Agora, o Multissaúde passa a ofertar 14 especialidades no total, nas duas áreas de atendimento – pronto-socorro e enfermarias – e é dedicado à interlocução de médico para médico, aprimorando a análise e atendimento aos pacientes.

Entre as urgências e emergências, haverá apoio de especialistas 24 horas por dia, sete dias por semana, para interconsultas nas áreas de Infectologia, Medicina Intensiva, Cardiologia, Ortopedia e Neurologia Clínica e Cirúrgica. Neste ramo, chamados de serviços de saúde, deverão ser atendidos em até 15 minutos, auxiliando na condução do atendimento aos pacientes.

Já a parte de suporte clínico abrangerá Cardiologia, Vascular, Pneumologia, Nefrologia, Hematologia, Ortopedia, Gastroenterologia e Endocrinologia. Neste caso, o tempo previsto para atendimento é de até 20 minutos para cada solicitação, com expediente convencional de oito horas por dia útil.

Nesta nova fase, o programa incluirá 14 hospitais estaduais localizados na Grande São Paulo e no Vale do Ribeira (confira lista abaixo). A estimativa é que 12 mil atendimentos sejam realizados mensalmente.

As unidades contarão com uma plataforma tecnológica de telemedicina, viabilizada em nuvem e com infraestrutura completa disponibilizada pela Prodesp, incluindo dispositivos tecnológicos para compartilhamento de informações, emissão de laudos médicos e até prescrição de receitas digitais para envio aos pacientes por mensagem de texto.

A ferramenta integra as melhores práticas tecnológicas, prevendo responsividade (adaptação a diferentes tamanhos de telas de computadores, tablets e smartphones), botões de acesso rápido e criptografia, garantindo o sigilo e a confidencialidade em conformidade com a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados).

Além de possibilitar agilidade no diagnóstico, encaminhamentos e tratamentos, a plataforma facilita a interação entre os especialistas, permitindo o cadastro e busca de pacientes, pesquisa de prontuários, agendamentos, acesso a consultas e exames (incluindo imagens), além de videoconferências em HD para discussão sobre as condutas clínicas, hipótese de diagnóstico e evolução clínica dos pacientes, otimizando a assistência.

A iniciativa também prevê treinamento, licenças, manutenção e suporte técnico ininterrupto para os hospitais envolvidos. Na fase piloto, o programa atendeu exclusivamente casos ambulatoriais na área de Dermatologia.

Confira lista de hospitais:

• Hospital Regional de Ferraz de Vasconcelos
• Hospital Geral de Guaianazes
• Hospital Heliópolis
• Hospital Ipiranga
• Conjunto Hospitalar do Mandaqui
• Hospitalar Padre Bento de Guarulhos
• Hospital Geral de Vila Penteado
• Hospital Regional Sul
• Hospital Geral de São Mateus
• Hospital Geral de Taipas
• Hospital Geral de Vila Nova Cachoeirinha
• Hospital Geral de Osasco
• Hospital Regional de Registro
• Hospital Regional do Vale do Ribeira (Pariquera-Açu)